terça-feira, janeiro 17, 2006

LARGADA DE LUANDA 17 JANEIRO 2006




Numa indescritivel grande emoção, de todos que participaram deste fantástico apoio dado à Tripulação, durante os dias passados em Luanda e à logistica para colocar o Mussulo para a viagem de volta ao Brasil, caracterizando claramente o que são os angolanos, o Mussulo soltou a ultima amarra no pier do Clube Naval de Luanda ás 13:30 hrs TMG.
A Ponta da Ilha de Luanda foi alcançada a motor tendo o Mussulo atingido a mesma ás 14:00 hrs TMG , tomando definitivamente o rumo do Brasil, conforme telefonema do Nico Pereira de Almeida e fotos do Mário Tendinha, que como sempre presentes, preocupados e atenciosos em nos darem a informação de imediato. Nunca o esqueceremos.
Temos a certeza que o Francisco Amorim nos dará uma descrição mais detalhada não somente da estadia em Luanda como desta partida para cruzar o "Rio" Atlântico, que desta vez e usando as suas palavras será certamente muito mais curta.
Um grande abraço indistintamente a todos que presentes ou virtualmente têm acompanhado este Abraço à Vela e que agora parte para o fechar no Brasil.

4 comentários:

Zenilda Gil disse...

Boa sorte,que os Deuses permanecem de plantão....
Estarei torcendo por vcs!!!!!!!!
Bjs
ZG

Ana Clara disse...

Imagino a emoção da despedida e da partida!
Os laços criados com este "abraço" vão certamente perdurar e os momentos vividos por todos nunca serão esquecidos.
Um obrigada ao tio Chico, pela lição de vida, de coragem e de juventude que nos deu.
A calma e sabedoria do Zé Guilherme, a força e juventude do Matheus dominarão os ventos e marés nesta curta (espera-se) travessia do Atlântico de regresso ao Brasil.
A aventura continua...e que a chegada seja vitoriosa!!!
O meu "abraço", agora virtual, aqui de Portugal.

paterhu disse...

Bons ventos para vos levar direitinhos até ao Rio...
Um grande abraço

José Filipe Caldas disse...

Estes versos foram escritos pelo Duarte Nuno Martins que ofereceu e instalou o rádio para que as comunicações fossem possíveis na volta ao Brasil.

E tu, MUSSULO famoso!

…com a tua proa rasgaste as águas dos oceanos,

navegaste com ar presunçoso

para vires trazer fraternidade aos Angolanos

de abraços à vela o teu porão vinha cheio

e com os teus velejadores emocionantes no convés

derramaste tanta amizade no nosso meio

que fizeste subir todas as marés

agora que zarpaste rumo ao alto mar

com a certeza de ao Brasil regressar

coberto de glória e espírito aventureiro

no teu porão continuas a levar

o reconhecimento e a vontade de abraçar

os povos angolano e Brasileiro.


D.Nuno